Novo release do Globo Vídeos (agora em tela cheia)

São 05:55 da manhã por aqui e acabamos de subir o primeiro release do Globo Vídeos de 2008. Essa versão é a primeira depois da mudança para Flash vídeo e nós corrigimos diversos detalhes de infraestrutura que ficaram pendentes em 2007. Fizemos bastante coisa, mas não vai dar para ver muita novidade.

Mesmo que esse release tenha sido praticamente só de coisas “internas”, não tivemos como deixar de fora uma das funcionalidades mais requisitadas: os vídeos em tela cheia! Muitos usuários sentiram falta dessa funcionalidade e cheguei até a receber aqui no blog comentários como: “a decisão de tirar a tela cheia merece o prêmio abacaxi da década”.

Acho que isso tudo merece uma explicação.

Tivemos que fazer isso porque estávamos correndo contra o tempo para colocar a infraestrutura de Flash vídeo antes do Big Brother. O BBB é um grande evento para os nossos servidores, eles trabalham um bocado nessa época. O consumo de vídeos aumenta muito e por isso é muito arriscado fazer qualquer mudança grande na infraestrutura neste período, porque se alguma coisa der errado, nossos usuários podem ficar sem ver vídeos (e nós definitivamente não queremos isso).

Como a mudança de Windows Media para Flash envolvia uma quantidade enorme de mudanças, só tínhamos duas opções: ou fazíamos a migração para Flash antes do BBB, ou esperávamos para fazer em abril de 2008, depois que o programa acabasse.

Só o trabalho de infra foi monstruosamente grande… Desde a captura de vídeos com mais qualidade, até a produção em um novo formato (flv) e distribuição dos vídeos usando dezenas servidores totalmente novos com softwares completamente diferentes dos anteriores. Como se isso tudo já não fosse suficiente, precisavamos mudar o player do Globo Vídeos e o player embedded que é usado por inúmeros sites da Globo.com, mantendo compatibilidade com alguns programas que ainda funcionam em Windows Media como os jogos da NBA, por exemplo.

Com tantas coisas pra fazer pela frente, nós tivemos que priorizar a implementação de tudo que era absolutamente necessário para o funcionamento dos novos vídeos em Flash. A tela cheia é uma funcionalidade importante? Sim, ela é muito importante. Só que mais importante que isso é tocar o vídeo. Para viabilizar o projeto, tivemos que tirar absolutamente todas as funcionalidades que não fossem impeditivas para o funcionamento dos novos vídeos. A princípio isso pode parecer ruim, mas nossas práticas com Scrum nos mostraram claramente que essa era a única forma de fazermos o player Flash acontecer.

Posso dizer que essa decisão não foi nem um pouco fácil, porque acabamos tirando uma funcionalidade dos usuários. Mas pode ter certeza que foi uma das coisas que viabilizou a migração dos vídeos para Flash ainda em 2007.

Ficamos sem a tela cheia por pouco mais do que 40 dias. Não foi muito tempo, mas sei que muita gente ficou chateada. Peço desculpas em nome da Globo.com, mas como vocês estão vendo, foi por uma boa causa. :)

Tags: , , ,

8 Responses to “Novo release do Globo Vídeos (agora em tela cheia)”

  1. Essa idéia que o pessoal tem de fazer alguma coisa logo de cara com todas as funcionalidades é a principal razão de nunca fazerem nada ou então estourar muito o prazo das coisas.

  2. [...] post do Guilherme Chapiewski e este outro do Tiago Albineli Motta explicam, com mais detalhes, os [...]

  3. Isso sim é velocidade! Parabens!

  4. Aew! Muito bom :) todo mundo agora ta elogiando, ufa :)

  5. Bruno Braga says:

    Só a mudança para flash já valeu 2008 todo, nem precisam fazer mais nada. Pede férias remunerada de 6 meses para o povo da Globo ae… :P

  6. Diogo Yoshitomi says:

    Ficou Muito Bom o FullScreen,agora só falta agilizar o processo de carregamento dos vídeos que muitos usuários da video.globo.com estão tendo problemas,inclusive Eu..
    espero ter o retorno da participação de vocês..
    Obrigado Até então..

  7. [...] galera, saiu. O Globo Vídeos agora tem a opção tela cheia. O post do Guilherme Chapiewski, nosso líder técnico, detalha todas as motivações que nos levaram a ficar pelo menos 40 dias [...]

  8. Leandro says:

    Guilherme gostaria de saber se você possui algum link que demonstre qual a plataforma e instrutura mesmo que seja superficial que a Globo.com utiliza. (tipo linguagem principal, banco relacional mais utilizado, quantos servers … qual app server é mais utilizado…)

    Senão da globo.com um outro legal!
    Obrigado.

Leave a Reply