Archive for July, 2009

Top 200 blogs para desenvolvedores

Wednesday, July 15th, 2009

Um post bem rapidinho. Essa notícia está um pouco atrasada mas continua boa. :)

Se você (assim como eu) gosta muito de ler blogs de desenvolvedores, provavelmente vai adorar isso: uma lista com os top 200 blogs para desenvolvedores selecionados por Jurgen Appelo.

A lista contém ótimos blogs de gente conhecida no mercado como Martin Fowler, James Shore, Jeff Sutherland, Joel Spolsky e por aí vai, além de blogs que eu ainda não conhecia e que são bem legais também. Para completar ainda tem o Twitter de uma boa parte dessas pessoas.

Mesmo que você não concorde com a lista e ache que tem coisa faltando ou sobrando, com certeza irá encontrar um monte de blogs interessantes para incrementar o seu leitor de RSS. Boa leitura!

Pessoas não são recursos!

Sunday, July 12th, 2009

Esses dias vi uma mensagem no Twitter que me fez lembrar de algo que eu já queria ter falado aqui há algum tempo:

Referring to people as “resources” leads to thinking that individuals are interchangeable code producing units.

Toda vez que alguém chama uma pessoa de “recurso” dói meu ouvido. Chega até a ser chato, mas quando alguém faz um comentário sobre “recursos” do meu lado dificilmente consigo resistir a corrigir para “pessoas”. Como a Esther Derby disse na sua mensagem, tratar pessoas como “recursos” dá a impressão que as pessoas são “commodities“, que são meros “parafusos”, sem importância individual e substituíveis por qualquer outro.

Como que alguém pode se sentir bem sabendo que é totalmente descartável e que pode ser a qualquer momento trocado por qualquer outra pessoa? Como alguém pode estar comprometido com um projeto sabendo que é totalmente substituível e que não faz diferença se quem estiver ali for ela ou qualquer outra pessoa? Como alguém pode se sentir motivado assim?

E por fim a pergunta que eu queria chegar: Que tipo de código e que tipo de produto as pessoas vão conseguir produzir nessas condições?

Desenvolvedores de software são trabalhadores do conhecimento. Ao contrário de trabalhadores “Fordistas”, que são extremamente especializados numa linha de produção e desempenham atividades repetitivas e “robóticas”, os trabalhadores do conhecimento trabalham intensivamente com o seu cérebro, analisando e interpretando informações, descobrindo novas e melhores soluções para resolver problemas e tomando decisões o tempo todo.

Por esse motivo, é essencial que essas pessoas estejam motivadas, pois isso as deixa num estado mental que estimula sua produtividade, aumentando a quantidade de trabalho que podem realizar e potencializando o uso da sua criatividade para resolver problemas.

Um projeto de software bem sucedido é construido por pessoas motivadas, que tem visão do que estão fazendo e que acreditam nessa visão.

Para saber mais:

[FISL 10] Balanço do evento

Wednesday, July 1st, 2009

FISL 10 - Globo.comO FISL 10 foi certamente um dos melhores eventos brasileiros de todos os tempos!

Como havia falado no post anterior, fiz 3 apresentações que foram muito bem recebidas pela galera (ao menos os feedbacks no Twitter e no stand foram ótimos)! Foi legal mostrar um pouco do que temos aqui na Globo.com e saber que muita gente mudou sua opinião a respeito do que somos e o que fazemos. É claro que somos uma empresa cheia de problemas como qualquer outra, mas temos um monte de iniciativas legais, pessoas legais e projetos/desafios interessantes como em poucos lugares, o que nos torna uma das empresas mais legais para se trabalhar no Brasil!

Adorei também conhecer um monte de pessoas novas que nem vou arriscar citar aqui para não esquecer os nomes. Todas essas pessoas fizeram com que o evento fosse um show!!! Veja algumas fotos no meu Flickr.

Críticas, sugestões ou comentários são sempre bem-vindos! E nos vemos ano que vem no FISL 11! :)