Cadê meu Sedex?

Quem usa o serviço de Sedex e encomendas dos Correios sabe como é um saco entrar no site dos Correios para saber onde está sua encomenda. Como eu vendo e compro bastante coisa no Mercado Livre, há alguns anos desenvolvi um widget para Mac OS X que facilita buscar essas informações, mas acabei não usando muito porque não era prático o suficiente.

Na sexta-feira passada conversando com uns amigos tive a idéia de fazer um brincadeira no Twitter que poderia ser uma solução suficientemente prática: você digita no Twitter @cade_meu_sedex SO376590583BR” (usando o número da sua encomenda ao invés do meu, obviamente) e o macaco dos Correios diz pra você qual é o status mais recente disponível no site dos Correios. :)

cade_meu_sedex

Fazendo essa brincadeira acabei desenvolvendo uma API Ruby e de webservices REST para consulta ao site dos correios, que foi batizada com o misterioso nome de “correios-api”. Essa API já está disponível como uma RubyGem e no site do projeto tem instruções para instalação e uso.

Tanto o robô quanto a API foram desenvolvidos em Ruby e os códigos estão no meu Github para quem quiser dar uma olhada. No caso dos webservices foi especialmente ridículos fazê-los usando o Sinatra, que é um framework sensacional e absurdamente simples.

A próxima feature desse projeto será criar métodos para fazer orçamento de encomendas, que foi uma idéia dada pelo pessoal da lista Rails-BR. Se alguém tiver outras idéias ou quiser colaborar seja bem-vindo!

Tags: , , , , , , ,

7 Responses to “Cadê meu Sedex?”

  1. Muito legal o projeto, parabéns. :)

  2. Luiz Aguiar says:

    Sensacional GC!

    []s

  3. Idéia sensacional. O problema é que o pessoal dos Correios costumam ser chatos com relação ao uso de seus recursos, como seu banco de logradouros e webservices.

    Tanto é verdade que uma app para iPhone que fornecia pesquisa de CEPs teve de ser “descontinuada”. :(

  4. É por isso que eu pego as informações direto no website :)

    O pior de tudo é que eu faço essa mesmissima coisa há 3 anos e nunca quebrou (para a minha sorte)…

    [ ]s, gc

  5. Janderson says:

    show de bola, parabéns Guilherme

  6. Tim High says:

    Adorei! Usando Twitter como interface para serviços públicos! Tem outros exemplos?

    Uma dúvida: onde está rodando seu app? Tem algum jeito de registrar seu script com o próprio Twitter? Ou tem um daemon rodando numa máquina sua que faz um polling da conta no Twitter?

Leave a Reply